quinta-feira, 27 de abril de 2017

NOTÍCIAS DA FOLHA DE PERNAMBUCO: PRESINDENTE DO SINDASP-PE JOÃO CARVALHO DENUNCIA SOBRE A FALTA DE EFETIVO





Denúncias compreendem também o Centro de Triagem (Cotel)
Denúncias compreendem também o Centro de Triagem (Cotel)Foto: Jedson Nobre/Arquivo Folha
O Ministério Público Estadual (MPPE) instaurou um inquérito civil para apurar uma “possível omissão” da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) em zelar pela segurança e dignidade de pessoas privadas de liberdade. A medida refere-se às cinco unidades prisionais acompanhadas pela 21ª Promotoria Criminal do Recife, com atuação em Execução Penal.

No texto do inquérito, publicado na última terça-feira (25) no Diário Oficial do Estado, a promotora Irene Cardoso Sousa também destacou a necessidade de discutir ações relativas à figura dos “chaveiros”, detentos que controlam o acesso e atividades nos pavilhões, como o comércio ilegal de drogas e outros bens.

Uma reunião sobre o assunto será agendada para 23 de maio com o Mecanismo Estadual de Proteção e Combate à Tortura, que deverá apresentar relatórios de inspeções em que esse problema foi constatado.

O inquérito trata do Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), do Centro de Reeducação da Polícia Militar (Creed) e da Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima (CPFAL), além do Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico (HCTP) e do Presídio de Igarassu (PIG), todos na Região Metropolitana. 

Foi determinado que, aos autos, fossem juntados pedidos de interdição já feitos pela promotoria que têm como alvo o Cotel e o PIG, além de ações acerca dos “chaveiros”. 

“A garantia da segurança e da dignidade das pessoas privadas de liberdade consiste na efetivação de medidas necessárias para coibir o acesso de armas, de celulares, de violência moral ou física entre presos e entre servidores públicos e presos”, disse a promotora.

Ela elencou como medidas a implantação de instrumentos de monitoramento, inspeção e aplicação de procedimentos disciplinares previstos e a garantia da presença de “agentes penitenciários cumprindo todas as funções inerentes ao Estado”.

Presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores no Sistema Penitenciário de Pernambuco (Sindasp-PE), João Carvalho acredita que não há como levar o poder público a se fazer presente dentro das unidades carcerárias se o efetivo, hoje de 1,5 mil profissionais, não for aumentado.

“Quando se tem um Cotel só com oito agentes por plantão, quando deveria ter 60, ou um Presídio de Igarassu com dez em vez de 80, cuidando das visitas, das transferências e de outras atividades, fica difícil fazer rondas nos pavilhões e controlar a passagem de presos de cela para cela. É aí que surgem os ‘chaveiros’”, avalia.

“Os próprios promotores deveriam pedir na Justiça uma determinação para que o Estado abra o edital do concurso que vem sendo prometido”, dispara Carvalho.

A instauração de um inquérito civil significa que o MPPE passará a investigar o caso e, com base nos indícios, recorrer ou não à esfera judicial. Não foi informado prazo para a conclusão dos trabalhos.

Já a Seres informou que, até a última terça, não havia sido notificada oficialmente sobre a medida. Já o concurso para 200 agentes penitenciários, por ora, teve o contrato de realização assinado com a banca organizadora.

ÒRGÃOS DO ESTADO FORAM NOTIFICADOS SOBRE A GREVE GERAL DO DIA 28 DE ABRIL DE 2017

Informamos que todos os órgãos do Estado foram notificados. Aqueles servidores que quiserem algum documento para amparar legalmente. Solicite o encaminhamento a nossa Secretária Suzana. Fone; 3019- 6927, ou pelo email: sindasppecontato@gmail.com

PLACAR DA PREVIDÊNCIA: votos contra sobem para 217 e a favor continuam em 76


São Paulo, 26 - A atualização do Placar da Previdência, levantamento realizado pelo Grupo Estado com deputados, depois das mudanças anunciadas na proposta, mostra que o número de parlamentares contrários à reforma subiu para 217, enquanto o dos que são a favor continuam em 76.


Às 21h10 desta quarta-feira, 26, havia 53 indecisos; 160 não quiseram responder e 6 não foram encontrados. O Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, e o jornal O Estado de S.Paulo vão publicar atualizações do placar até a votação final da proposta.


Fonte: http://www.em.com.br/app/noticia/economia/2017/04/26/internas_economia,865325/placar-da-previdencia-votos-contra-sobem-para-217-e-a-favor-continuam.shtml


JORNAL ESTADÃO

O TESTE DA PREVIDÊNCIA

A reforma da Previdência será um teste importante sobre o funcionamento das instituições democráticas brasileiras. Hoje (26/4/17, quarta-feira), a pesquisa Pulso Brasil, realizada pelo Ipsos, apontou que o presidente Michel Temer alcançou o recorde de rejeição em seu governo, totalizando 87%. Apenas em março, o indicador subiu de 78% para 87%.
Pesquisas de popularidade presidencial variam em seus critérios e confiabilidade, e é prudente esperar que outros institutos confirmem essa nova e drástica piora da popularidade presidencial. Mas parece haver pouca dúvida de que Temer enfrenta uma quadra da política nacional em que a desaprovação popular ao governo atingiu níveis historicamente elevados.
Simultaneamente, indicadores como o Placar da Previdência, do Estadão, mostram que 217 deputados atestam que votarão contrariamente à PEC 287, e apenas 76 votarão a favor. Como é bem sabido, é preciso uma maioria de 3/5, ou 308 votos, para que a reforma da Previdência seja aprovada apenas na primeira das três votações a que será submetida na Câmara e no Senado.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

ORIENTAÇÃO DA FENASPEN E SINDASP-PE PARA A GREVE GERAL NO DIA 28 DE ABRIL DE 2017

ORIENTAÇÃO DA FENASPEN E SINDASP-PE PARA A PARALISAÇÃO NACIONAL NO DIA 28 DE ABRIL DE 2017

PARALISAÇÃO NACIONAL CONTRA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA -PEC 287

Procedimentos a serem tomados e seguidos pela categoria de Agentes Penitenciários:

Serão mantidos os serviços essenciais abaixo relatados:

SÃO CONSIDERADOS SERVIÇOS ESSENCIAIS:

1. Cumprimento de alvará de soltura;
2. Mandado de prisão e recolhimento;
3. Socorros e emergências;
4. Devem mandar entregar a alimentação aos presos.

MODOS OPERATIVOS PARA PARALISAÇÃO NACIONAL,  CUMPRIMENTO  DOS 30 %  DE MANUTENÇÃO DO EFETIVO, CONFORME OFÍCIO DA FENASPEN!

- Todos os servidores devem ficar na permanência (“gaiola”);

- Deve ser mantido 30% do efetivo num esquema de rodízio do plantão, devendo os demais ficarem na permanência da Unidade Prisional e os da SERES no pátio;

- Os nomes dos servidores no sistema de rodízio devem ser colocados no livro de ocorrência, com os horários de descanso, de quarto de hora e de seus substitutos com seus horários designados;
-
Outros serviços diferentes dos listados acima não serão realizados por não serem essenciais, tais como: confecção de carteira, condução de preso à permanência a pedido de advogado ou visita, etc.

AVISAMOS MAIS UMA VEZ: TODOS OS SERVIDORES NO HORÁRIO DE TRABALHO DEVEM PERMANECER NAS UNIDADES PRISIONAIS.

BALANÇO GERAL DA RECORD: PRESIDENTE DO SINDASP-PE JOÃO CARVALHO FALA SOBRE A QUESTÃO DO TÚNEL NO PRESÍDIO FREI DAMIÃO DE BOZZANO E DA TENTATIVA DE FUGA NA PENITENCIÁRIA DE TACAIMBÓ


FONTE:




FONTE :

terça-feira, 25 de abril de 2017

NOTÍCIA DO JORNAL DO COMÉRCIO

Escavação de túnel é encontrada no Complexo do Curado

Em revista nesta segunda, agentes penitenciários localizaram túnel que poderia servir como rota de fuga para detentos. Armas e celulares também foram encontrados.
Túnel foi encontrado por agentes penitenciários no Complexo do Curado / Foto: Divulgação/Sindicato dos Agentes Penitenciários
Túnel foi encontrado por agentes penitenciários no Complexo do Curado
Foto: Divulgação/Sindicato dos Agentes Penitenciários
JC Online

Agentes penitenciários encontraram, nesta segunda-feira (24), um túnel que estava sendo escavado para uma possível fuga de detentos no Complexo do Curado. A construção estava sendo feita no pavilhão que fica mais próximo ao muro que da acesso à rua. Além do túnel, armas brancas e celulares também foram encontrados na revista.

De acordo com o Sindicato dos Agentes penitenciários, a vistoria aconteceu entre 16h30 e 19h30 e foi realizada no pavilhão R do presídio Frei Damião de Bozzano (PFDB). Ao entrar no local, os funcionários localizaram o túnel que começava na cela 08.


Armas e celulares


Além do túnel, três barrotes de madeira, dois facões artesanais, uma faca artesanal, duas facas industriais, nove carregadores de celular, três celulares, quatro fones de ouvido, duas usinas de cachaça artesanal e 6,5 litros de cola de madeira que estavam sob posse dos detentos foram recolhidos.

Fonte:

AVANÇOS E CONQUISTAS PELO TRABALHO DA ATUAL GESTÃO DO SINDICATO


Essa gestão vem conseguindo vários avanços.

Esta é mais uma promessa de campanha realizada por essa atual gestão.

AVANÇOS E CONQUISTAS

*OS AGENTES PENITENCIÁRIOS DE PERNAMBUCO SAÍRAM DA ESTAGNAÇÃO, PRA UM AVANÇO DE 100%*


Resultado de imagem para SISTEMA  PENITENCIÁRIO PERNAMBUCO



```QUEM CHEGOU AGORA, LEIA E SINTA A VALORIZAÇÃO QUE GANHAMOS```
A PALAVRA É:

*AVANÇOS E CONQUISTAS*

```PRECISAMOS DA UNIÃO DE TODOS```

VAMOS VER PASSO A PASSO:

1) Antes desta gestão, com alguns diretores deste sindicato conseguiu- se:

1.1 Criar o plano de cargos atraves da lei complementar nº 150;

1.2 Conseguiu- se em 2011 retirar um salário que era de 1.419 reais para um vencimento atual inicial ainda em agosto de 2016 para 2.809 reais.  (Quer dizer no inicial teve um aumento geral de quase 95% na soma dos 4 (quatro) primeiros anos.)

1.3 Foi conseguido que agentes penitenciarios em Pernambuco tivessem a possibilidade de acumular cargo de professor.

*NESSA GESTÃO*

O Sindicato após 02 (dois) anos de gestão coma nova direção do Sindicato vem mostrar o levantamento do trabalho realizado e demonstrar avanços para categoria.

1.Realizações e Conquistas do Sindasp-PE

1.1 Efetivação da Central de Custódia, através do Decreto nº 42.044, de 14 de agosto de 2015; (COM ISSO, OS PLANTÕES FICARAM MAIS SEGUROS)

1.2 Reajuste do vale-refeição em quase 100%,conforme decreto nº 41.839, de 18 de junho de 2015;

1.3 Conseguiu que fossem adquiridos novos equipamentos através de gestão junto ao Governo e ao  DEPEN;

1.4 Realização de mais de 150 convênios com empresas, escolas, faculdades, consultórios e centros de treinamento, na gestão de 02 (dois) anos;

1.5 Conseguimos a equiparação salarial com a policia civil passando o salário inicial  de R$ 2.809 para R 3.276, através da Lei Complementar nº 335/2011 ; (ISSO FOI PERDIDO COM ANTIGOS DESMANDOS DO SINDASP-PE)

*1.6 Conseguimos impedir  na justiça que os assistentes de ressocialização, através Processo nº 0005710-08.2016.8.17.2001, da 6 ª vara da Fazenda Pública invadissem as atribuições dos agentes penitenciários. Esta ação provocou o  reconhecimento na justiça, onde a a nossa atividade foi referendada como exclusiva, que impossibilita a tentativa de terceirização nas atividades dos agentes penitenciários em pernambuco.*

1.7 Autorização para Nomeação dos 126 concursados em janeiro de 2015, através do decreto emergencial nº 41.448/2015;

1.8 O Estado de Pernambuco foi  o 1º Estado da Federação a realizar a Regulamentação da compra de arma particular para Agentes Penitenciário, através da Portaria SERES Nº 1257, de 23 de setembro de 2015;

1.9 Participação do SINDASP-PE no grupo que elaborou o novo código penitenciário de Pernambuco, como membro efetivo indicado pelo Governo do Estado e pela OAB;

1.10 O SINDASP-PE fez a realização de treinamento e cursos para capacitação técnica e psicotécnico para uso de armas com instrutor credenciado;

1.11 Defesa da categoria na imprensa; (SEMPRE EM DEFESA DA CATEGORIA)

*1.12 Contratação de 05 (cinco) novos escritórios de advocacia;*

1.13 Enquadramento de 887 agentes penitenciários por titulação, após análise e aprovação da comissão paritária da qual o SINDASP-PE faz parte;

1.15 Conseguiu em negociação que os Agentes Penitenciários de matrícula 341, fossem avaliados por  desempenho e aptos permitindo que tivessem a sua progressão na faixa;

1.16 Conquista de 04 (quatro) cadeiras na *Diretoria da Fenaspen,* sendo segundo maior Estado com maior representação em relação a outros Estados;

1.17 Portaria Conjunta da SESU/SDS nº 001 de 06  de agosto de 2016, que concede o direito do Agente Penitenciário atirar no cumprimento do dever;

1.18 Isenção para o curso de tiro durante 01 (um) para o agente penitenciário filiado ao Sindasp-PE;

*1.19 Conquista da Lei da Aposentadoria Especial do Agente Penitenciário (Lei Complementar nº 315/2015). Não tínhamos Lei de Aposentadoria Especial, com paridade e integralidade. Os Agentes aposentavam pela Regra Geral; * (```ISSO FOI UM AVANÇO NUNCA VISTO```)

1.20 Conquista da Lei da Indenização por Invalidez e Morte (Lei Complementar nº 315/2015);

1.21 Criação do Fundo Penitenciário Estadual, com inclusão e previsão no orçamento do Programa de qualidade de vida do servidor e investimentos em equipamentos (Lei nº 15.689, de 18 de dezembro de 2015);

*1.22 Regulamentação do termo para acautelamento de arma de fogo ( Boletim Interno SERES Nº 48/2015);* (Estamos agora negociando o acautelamento para todos os Agentes Penitenciários)
👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻

1.23 Investimento em instrutor para aula funcional no CTTs (CTTA de Caruaru);

1.24 Investimento em instrução para curso de operações táticas em municípios (Para Agente Penitenciário Wallas);

1.25 Após denúncias ao MP e PF foi feito a  negociação para aplicação de curso de tiro pelo Estado aos Agentes Penitenciários que estavam com pendências;

1.26 Investimento em instrutor para curso nos EUA para  multiplicação de conhecimento aos Agentes Penitenciários;

1.27 Patrocínio aos Agentes Penitenciários em modalidade esportivas, como ao ASP George Mendonça, campeão mundial de Jiu-Jitsu;

*1.28 Renovação da frota com mais 18 vans xadrez e mais 32 veículos caminhonetes (S -10) com xadrez e mais 45 carros administrativos;*

1.29 Impetrou ação pela Fenaspen em relação aos assistentes de ressocialização, no qual a FENASPEN tem a composição de 04 (quatro) diretores do SINDASP-PE e conseguiu o reconhecimento na justiça da exclusividade do cargo de Agente de Segurança Penitenciária ;

1.30 Conseguiu a Decisão judicial favorável para acúmulo de cargo de professor, através do processo nº 034933-06.2016.8.17.2001 ;

1.31 Após Luta pelas Condições de Trabalho conseguiu 200 (duzentos ) coletes balísticos de forma emergencial e outros 530 tiveram a licitação finalizada e foram entregues em abril de 2017.

1.32 Após Luta pelas Condições de Trabalho conseguiu em negociação que o Estado comprasse 1.500 (Hum mil e quinhentas) algemas;

1.33 Acordo assinado com o Governo para abertura de concurso público para Agente Penitenciário, onde a CEBRASPE foi ganhadora e já encontra-se o Edital para publicação na SAD. O Edital do concurso está pronto e será publicado a qualquer momento;

1.34 Na negociação por lutas de melhores condições conseguiu em negociação com a Secretaria de Administração o *auxílio de deslocamento de R$ 350,00*  a partir de abril de 2016, conforme previsto no Decreto nº 42.843, de 04 de abril de 2016;

1.35 Apresentação da prestação de contas do ano de 2015, na Assembléia Geral de 25 de fevereiro de 2015;
1.36 Conseguiu através de articulações a inclusão na ordem do dia na questão da PEC 308, com o apoio do deputado Federal Eduardo da Fonte;

1.37 Conseguiu avanço na Proposta da PLS n º 513/2011 para alteração do Texto ou embragar, através da articulação com o Senador Douglas Cintra impedir que fosse votada e o encaminhamento para outras comissões;

1.38 Criação da Nova Lei do Código Penitenciário( Lei  nº 15.755, de 04 de abril de 2016), onde o Agente Penitenciário condenado pode ficar em cela especial;

1.39 Derrubou o decreto da síntese de atribuições que foi alterada de forma unilateral, no processo n' 0013053-78.2015.8.17.0000 onde foi considerou inconstitucional o decreto n 42.065/2015;

1.40 Após Luta pelas Condições de Trabalho e através da negociação conseguiu- se adquirir 100 mil munições  (Letais e não Letais) que foram entregues em julho de 2016;

1.41 Após Luta pelas Condições de Trabalho e através de negociação conseguiu- se adquirir Escudos Balísticos  que foram entregues em outubro de 2016;

1.42 Conseguiu negociar através de decisão judicial que o Estado revogasse o Inciso I do artigo 6 da Lei Complementar nº 315/2015, que obrigava a compulsória aos 65 anos. Decisão favoreceu que servidores tenham a possibilidade de conseguir a integralidade, conforme realizou a alteração através do art. 4º  da Lei Complementar nº 341, de 22 de dezembro de 2016. ;

1.43 Conseguiu através da  intervenção da FENASPEN, onde 04 (quatro) diretores do Sindicato, uma nova regulamentação para que os aposentados e funcionários da ativa realizem a capacitação técnica de 05 (cinco) em 05 (cinco) anos, conforme previsto no  Decreto nº 8.935, de 19 dedezembro de 2016;

1.44 Realização da Confraternização dos servidores em vários municípios do Estado.

1.45 Compra da Sede do Sindicato, no total de 05 (cinco) salas no Edifício Circulo Católico, em 20 de março de 2017:

1.46 Devido a negociação do ano de 2016, conseguiu-se mais 530 (quinhentos e trinta) coletes balísticos novos, que foram entregues no dia 30 de março de 2017;

1.47 Devido a negociação do ano de 2017 com a Secretaria Executiva de Ressocialização, e DEPEN, conseguiu-se mais 15 (Quinze) viaturas xadrez doados pelo DEPEN, que foram entregues no dia 30 de março de 2017;

1.48 Foi inaugurado no dia 10 de abril de 2017, a casa de apoio para atendimento ao pessoal do Interior;

1.49 Conseguiu-se em Negociação da pauta salarial de 2016, 2017 e 2018, novos enquadramentos que serão efetivados em agosto de 2017, e novas tabelas salariais em janeiro e dezembro de 2018, nos moldes da categoria de Segurança Pública.  

1.50. Conseguiu-se os pjes para a central de apresentação que controla apresentações judiciais no FOrum Joana Bezerra, através de negociação em fevereiro de 2017, com a Secretaria de Justiça e Secretaria de Administração;

1.51 Em negociação com o DEPEN e Secretarai Executiva de Ressocialização  conseguiu-se a aquisição de máquinas de raio x, banquetas e Portais eletrônicos, nos anos de 2016 e 2017.

👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻

*EM NOME DO ASP SÓ O SINDASP AGE*


Diretoria do Sindasp-PE trabalhando cada vez mais por você.

segunda-feira, 24 de abril de 2017

PARALISAÇÃO CONTRA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO DIA 28 DE ABRIL DE 2017

 O SINDASP-PE CONVOCA TODA A CATEGORIA PARA A GREVE GERAL NO DIA 28 DE ABRIL, CONTRA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA


AGENTES PENITENCIÁRIO DE PERNAMBUCO IRÃO REALIZAR A PARALISAÇÃO NACIONAL CONTRA A REFORMA DA PREVIDÊNCIA - PEC 287



Os agentes penitenciários de Pernambuco  aderiram ao movimento grevista de caráter nacional, que foi anunciado pelas Centrais e Federação Sindical dos Servidores Penitenciários do Brasil (Fenaspen). Além dos agentes penitenciários de Pernambuco, na última quarta-feira (15), os demais agentes vinculados à Fenaspen irão  paralisar as atividades nas penitenciárias durante 24h.


A decisão pelo estado de paralisação serviu, segundo o Sindasp-PE, essa Paralisação e a mobilização para barrar a reforma que “praticamente acaba com a aposentadoria”.Como a paralisação vai durar 24 horas, o SINDASP-PE relata  que não ocorre nenhum descumprimento de decisão do STF. Estamos na Luta pela melhoria e defesa da classe trabalhadora, que não pode ser prejudicada na retirada destes direitos. Sabemos que a previdência é superavitária e não deficitária. As Centrais, Federações e Sindicatos exigem que seja aberto primeiro uma CPI com uma auditoria nas contas da previdência, para sabermos onde estão os eventuais desmandos e quem realmente deve a previdência.


NOTÍCIA DO G1

Obras do presídio de Itaquitinga são retomadas após cinco anos
Durante visita à obra, reportagem encontrou operários trabalhando para finalizar a construção do complexo prisional. Holofotes voltaram à obra após delações de executivos da Odebrecht, que apontaram captação irregular de dinheiro a pedido do ex-governador Eduardo Campos.

Apesar de as obras do presídio de Itaquitinga, na Mata Norte de Pernambuco, terem ficado paradas por cinco anos, duas delações de executivos da Odebrecht que apontam irregularidades na construção do Centro Integrado de Ressocialização trouxeram o empreendimento novamente à tona nesta última semana. Fechadas após a saída do consórcio Advance-Socializa, as unidades do presídio passam atualmente por uma transição – do abandono à retomada da construção, visitada pela equipe da TV Globo. (Veja vídeo acima)

Previsto para ser o maior complexo prisional do estado, com capacidade para abrigar 3,5 mil presos, o complexo prisional de Itaquitinga deveria ter a construção iniciada em outubro de 2009, com prazo de três anos para a conclusão. No entanto, os trabalhos só iniciaram em junho de 2010 e, em 2012, com a saída do consórcio, as obras estacionaram.

À época, a obra seria a primeira obra do sistema penitenciário de Pernambuco construída através de uma parceria público-privada (PPP). Dos R$ 350 milhões previstos pelo orçamento, 70% seriam fruto de investimentos da iniciativa privada e outros 30% seriam investidos pelo governo do estado.

A reportagem teve acesso à parte interna do presídio de Itaquitinga nesta semana e constatou que, atualmente, há 120 funcionários de uma nova empreiteira trabalhando desde o mês de janeiro de 2017 para finalizar as obras já iniciadas. Com um orçamento de R$ 10 milhões, a Carajás se comprometeu a concluir a unidade um, para presos do regime fechado, a portaria, o alojamento da Polícia Militar, o canil e o módulo de serviços, que inclui a cozinha e a lavanderia.

Funcionários da construtora Carajás começaram a trabalhar na obra em janeiro de 2017 (Foto: Reprodução/TV Globo)
Funcionários da construtora Carajás começaram a trabalhar na obra em janeiro de 2017 (Foto: Reprodução/TV Globo)

Segundo os técnicos que acompanharam a visita da reportagem ao presídio, o espaço ficará igual à unidade dois, que deve ser licitada no segundo semestre. Ao todo, serão três pavilhões iguais, com quartos para visita íntima, parlatórios para os presos falarem com os advogados, refeitório, salas de aula e duas celas para pessoas com deficiências.

Durante a passagem pela unidade prisional, as questões que constam no relatório do governo e que resultaram em caducidade ficam evidentes. Luminárias de alumínio inadequadas por serem desmontáveis e facilmente transformadas em armas, piso com fissuras e prateleiras de concreto sem uso se soltando das celas são algumas das irregularidades encontradas.



Paredes de gesso, de espessura reduzida, serão utilizadas na área administrativa do presídio de Itaquitinga (Foto: Reprodução/TV Globo)
Por outro lado, as polêmicas paredes de gesso da unidade, segundo o governo do Estado, eram previstas para serem construídas com esse material desde a elaboração do projeto, já que o ‘dry-wall’ seria utilizado na construção de áreas administrativas, às quais os presos não teriam acesso.

A contenção dos detentos ficará por conta de três fileiras de alambrados, já que o presídio não terá muros. Haverá, também, cachorros que ficarão entre as fileiras para evitar a saída indevida dos presos. Por isso, as obras atualmente executadas também preveem a troca dos alambrados instalados inicialmente no local, já que o projeto previa 3,4 milímetros de espessura e os deixados na primeira fase da construção tinham espessura de 1,2 milímetro.

Prazos

De acordo com o procurador geral do estado, César Caúla, o primeiro módulo do presídio será concluído e estará pronto para utilização no segundo semestre de 2017, assim como a área administrativa. Uma nova licitação para concluir o segundo módulo será encaminhada para publicação no mês de maio. “O investimento será de cerca de R$ 14 milhões, então estimamos que em oito meses esse segundo módulo também possa funcionar”, afirma.

Delação

De acordo com os relatos de Marcelo Bahia Odebrecht, Fernando Luiz Ayres da Cunha Santos Reis e Benedicto Júnior, registrados na petição 6.706, o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, solicitou apoio à Odebrecht em 2012 para auxiliar na construção do Centro Integrado de Ressocialização (CIR). Apesar de não haver interesse por parte da Odebrecht para participar da licitação e ingressar na obra, a empreiteira entrou no projeto através da DAG Construtora.

Na prática, foram aproximadamente quatro meses no canteiro de obras. Durante esse período, a DAG chegou a fazer uma limpeza na área e, segundo Marcelo Odebrecht, a empresa precisou sair devido a problemas ‘escabrosos’.

NOTÍCIA DO ESTADÃO: PLACAR DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA


Placar da Previdência: votos contra a reforma sobem para 188 e a favor, para 71

Estadão Conteúdo
Redação Folha Vitória
- A atualização do Placar da Previdência, levantamento realizado pelo Grupo Estado com deputados, depois das mudanças anunciadas na proposta, mostra que o número de parlamentares contrários à reforma subiu para 188, enquanto o dos que são a favor subiu para 71.
Às 20h10 desta sexta-feira, 21, havia 46 indecisos; 109 não quiseram responder; 96 não foram encontrados e 2 não foram contatados. O Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, e o jornal "O Estado de S. Paulo" vão publicar atualizações do