quinta-feira, 31 de maio de 2012

NOTÍCIAS: A maior rebelião em presídios da história da Paraíba já dura mais de 16 horas; veja vídeo


A maior rebelião em presídios da história da Paraíba já dura mais de 16 horas; veja vídeo
A maior rebelião em presídios da história da Paraíba. Assim é considerada a rebelião que ocorre desde às 19h desta terça-feira (29) na Penitenciária Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes, conhecida como PB1, localizada na praia de Jacarapé, em João Pessoa. A rebelião também ocorre nos presídios PB2 e Roger, na Capital.
Nesse momento, policiais do Choque, Gate, Canil, militares, Agentes Penitenciários, além do secretário de Administração Penitenciária, Capitão Washington França, e do Comandante-geral da PM, Euller Chaves, fazem a negociação com os presos do PB1 e PB2. Além disso, Samu e Corpo de Bombeiros estão no local.
Há uma informação extra-oficial, repassada pelas mulheres de detentos, de que dois deles teriam morrido e há feridos. Até às 10h desta quarta-feira, a polícia não teria confirmado a informação. Apenas um detento do PB1 foi socorrido pelo Samu ao Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.
De acordo com informações, a situação na frente da penitenciária de segurança máxima neste momento é de tranquilidade. Uma coletiva de imprensa deve ser dada hoje à tarde.
Segundo a Polícia Militar, a rebelião na Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Roger, já foi controlada. Mas a movimentação na frente da unidade prisional continua.
Segundo o Coronel Arnaldo Sobrinho, gerente executivo do sistema penitenciário da Paraíba, essa é a 'maior rebelião em presídios da história da Paraíba'.
"Tivemos rebeliões em 2011, em anos anteriores, mas não com esse poder, inclusive de fogo. Essa é a maior rebelião em presídios da história da Paraíba", disse.
Rebeliões
Primeiramente, a rebelição ocorreu dentro do presídio PB1. Por volta das 19h, detentos atearam fogo em colchões e quebraram as grades. Tiros foram disparados para conter o tumulto.
Os detentos reivindicam melhorias na alimentação e na estrutura da unidade prisional. De acordo com agentes penitenciários, os presos fizeram uma cortina de colchões no pavilhão 1 e tocaram fogo com o objetivo de impedir a entrada de policiais no presídio.
VEJA VÍDEO:
 
A rebelião no presídio PB2 iniciou por volta das 22h desta terça-feira (29). Detentos também atearam fogo em colchões e quebraram as grades.
Já por volta das 23h20, a rebelião se iniciou na Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Roger. Várias viaturas da Polícia Militar passaram toda a madrugada.
Também houve queima de colchões e muito tumulto. Segundo agentes penitenciários, o motivo teria sido briga entre facções criminosas rivais.

NOTÍCIAS: A maior rebelião em presídios da história da Paraíba já dura mais de 16 horas; veja vídeo


A maior rebelião em presídios da história da Paraíba já dura mais de 16 horas; veja vídeo
A maior rebelião em presídios da história da Paraíba. Assim é considerada a rebelião que ocorre desde às 19h desta terça-feira (29) na Penitenciária Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes, conhecida como PB1, localizada na praia de Jacarapé, em João Pessoa. A rebelião também ocorre nos presídios PB2 e Roger, na Capital.

Nesse momento, policiais do Choque, Gate, Canil, militares, Agentes Penitenciários, além do secretário de Administração Penitenciária, Capitão Washington França, e do Comandante-geral da PM, Euller Chaves, fazem a negociação com os presos do PB1 e PB2. Além disso, Samu e Corpo de Bombeiros estão no local.

Há uma informação extra-oficial, repassada pelas mulheres de detentos, de que dois deles teriam morrido e há feridos. Até às 10h desta quarta-feira, a polícia não teria confirmado a informação. Apenas um detento do PB1 foi socorrido pelo Samu ao Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.


De acordo com informações, a situação na frente da penitenciária de segurança máxima neste momento é de tranquilidade. Uma coletiva de imprensa deve ser dada hoje à tarde.


Segundo a Polícia Militar, a rebelião na Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Roger, já foi controlada. Mas a movimentação na frente da unidade prisional continua.


Segundo o Coronel Arnaldo Sobrinho, gerente executivo do sistema penitenciário da Paraíba, essa é a 'maior rebelião em presídios da história da Paraíba'.

"Tivemos rebeliões em 2011, em anos anteriores, mas não com esse poder, inclusive de fogo. Essa é a maior rebelião em presídios da história da Paraíba", disse.


Rebeliões

Primeiramente, a rebelição ocorreu dentro do presídio PB1. Por volta das 19h, detentos atearam fogo em colchões e quebraram as grades. Tiros foram disparados para conter o tumulto.

Os detentos reivindicam melhorias na alimentação e na estrutura da unidade prisional. De acordo com agentes penitenciários, os presos fizeram uma cortina de colchões no pavilhão 1 e tocaram fogo com o objetivo de impedir a entrada de policiais no presídio.

VEJA VÍDEO:

A rebelião no presídio PB2 iniciou por volta das 22h desta terça-feira (29). Detentos também atearam fogo em colchões e quebraram as grades.

Já por volta das 23h20, a rebelião se iniciou na Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Roger. Várias viaturas da Polícia Militar passaram toda a madrugada.

Também houve queima de colchões e muito tumulto. Segundo agentes penitenciários, o motivo teria sido briga entre facções criminosas rivais.

terça-feira, 29 de maio de 2012

SINDASP CONSEGUIU DOCUMENTOS SOBRE QUESTÃO DO PESSOAL DE NÍVEL MÉDIO PARA ENQUADRAMENTO




O SINDASP, através de membros da diretoria conseguiu alguns documentos que servirão para a juntada no mandado de segurança para enquadramento do pessoal de nível médio que tenham os cursos de qualificação profissional.
-
Um dos documentos é o parecer da Procuradoria Geral do Estado para Polícia Civil. Este parecer relata que o pessoal de nível médio tem que ser tratado isonomicamente com o pessoal de nível superior. Um dos fundamentos é que o  ingresso na carreira era de nível médio e que agora este pessoal está na carreira de nível superior.
-
O outro documento é a lista e o ofício da Secretaria de Ressocialização descriminando as pessoas que tem o referido direito ao enquadramento. Estes documentos vão ser acostados ao processo em trâmite e irão para a mesa específica par a solução do problema.
-
Aqueles que pensam que o Sindicato está inerte, aguardem novas notícias.
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice -Presidente
.
.



SINDASP REUNIU-SE COM O SUPERINTENDENTE DA POLÍCIA FEDERAL




O SINDASP -PE no  dia 29 de maio de 2012 (Hoje), reuniu-se com o Superintendente de Polícia Federal, Dr. Marlon, bem como os Delegados, Dr. Casarini e Eduardo responsáveis pela liberação do registro de armas particulares. Na reunião estiveram presentes o presidente Nivaldo e o Vice -Presidente Carvalho.
.-
Nesta reunião, o SINDASP protocolou uma documentação de mais de 300 ( trezentas) páginas, na qual demonstra a legalidade para o porte. Tendo em vista, as atividades policiais e de segurança pública.
-
Na reunião o Dr. Eduardo solicitou que os Agentes Penitenciários tivessem um pouco de paciência, pois existe um processo burocrático, que deve ser encaminhado pela Secretaria Executiva de Ressocialização. Neste processo faz-se necessário que sejam emitidas certidões individuais de cada aprovado, quando for para registro de arma particular.
-

Ficou acertado que a Polícia Federal remeterá a Secretaria de Ressocialização um ofício demonstrando a necessidade da emissão destas certidões, além da relação encaminhada pela SERES. A Polícia Federal entregará cópia deste documento, na próxima terça- feira, ao Sindicato,  para que sejam realizadas as diligências necessárias para a solução do problema. A partir da entrega deste documento será mais fácil conseguir solucionar o problema e demonstrará definitivamente que o Agente Penitenciário está investido dos direitos legais.
-
Ficou também demonstrado pelo Delegado Dr. Eduardo, o reconhecimento por tal direito ao porte, mas existe o processo burocrático a ser seguido. Este processo também vem atingindo vários policiais civis, militares e até  de outros órgãos.


-
A reunião, foi esclarecedora e abriu um canal para com a Polícia Federal.
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice  - Presidente

SINDASP APRESENTA PAUTA DE NEGOCIAÇÃO A SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO



O SINDASP encaminhou à Secretaria de Administração a pauta do dissídio coletivo do ano de 2012. Esta pauta irá tratar de vários tópicos, conforme ofício.
-
Entre os tópicos a ser negociados existem questões financeiras, do concurso no cumprimento da Resolução nº 09/2009 do Conselho de Política Criminal, que especifica 5 presos para cada agente. Isto levará a nomeação de concursados, pois o déficit é de 3.770 agentes.
O Debate também irá tratar de questões administrativas. A Administração entrou em contato com o SINDASP e  informou que será realizado o Agendamento para a reunião da  mesa específica, a qualquer momento. Na próxima sexta-feira ocorrerá a reunião da mesa geral e estaremos cobrando a referida reunião.
-
João Batista de Carvalho Flho
Vice - Presidente
.


SINDASP CONSEGUIU DOCUMENTOS SOBRE QUESTÃO DO PESSOAL DE NÍVEL MÉDIO PARA ENQUADRAMENTO

O SINDASP, através de membros da diretoria conseguiu alguns documentos que servirão para a juntada no mandado de segurança para enquadramento do pessoal de nível médio que tenham os cursos de qualificação profissional.
-
Um dos documentos é o parecer da Procuradoria Geral do Estado para Polícia Civil. Este parecer relata que o pessoal de nível médio tem que ser tratado isonomicamente com o pessoal de nível superior. Um dos fundamentos é que o  ingresso na carreira era de nível médio e que agora este pessoal está na carreira de nível superior.
-
O outro documento é a lista e o ofício da Secretaria de Ressocialização descriminando as pessoas que tem o referido direito ao enquadramento. Estes documentos vão ser acostados ao processo em trâmite e irão para a mesa específica par a solução do problema.
-
Aqueles que pensam que o Sindicato está inerte, aguardem novas notícias.
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice -Presidente
.
.




-

SINDASP REUNIU-SE COM O SUPERINTENDENTE DA POLÍCIA FEDERAL

O SINDASP -PE no  dia 29 de maio de 2012 (Hoje), reuniu-se com o Superintendente de Polícia Federal, Dr. Marlon, bem como os Delegados, Dr. Casarini e Eduardo responsáveis pela liberação do registro de armas particulares. Na reunião estiveram presentes o presidente Nivaldo e o Vice -Presidente Carvalho.
.-
Nesta reunião, o SINDASP protocolou uma documentação de mais de 300 ( trezentas) páginas, na qual demonstra a legalidade para o porte. Tendo em vista, as atividades policiais e de segurança pública.
-
Na reunião o Dr. Eduardo solicitou que os Agentes Penitenciários tivessem um pouco de paciência, pois existe um processo burocrático, que deve ser encaminhado pela Secretaria Executiva de Ressocialização. Neste processo faz-se necessário que sejam emitidas certidões individuais de cada aprovado, quando for para registro de arma particular.
-

Ficou acertado que a Polícia Federal remeterá a Secretaria de Ressocialização um ofício demonstrando a necessidade da emissão destas certidões, além da relação encaminhada pela SERES. A Polícia Federal entregará cópia deste documento, na próxima terça- feira, ao Sindicato,  para que sejam realizadas as diligências necessárias para a solução do problema. A partir da entrega deste documento será mais fácil conseguir solucionar o problema e demonstrará definitivamente que o Agente Penitenciário está investido dos direitos legais.
-
Ficou também demonstrado pelo Delegado Dr. Eduardo, o reconhecimento por tal direito ao porte, mas existe o processo burocrático a ser seguido. Este processo também vem atingindo vários policiais civis, militares e até  de outros órgãos.


-
A reunião, foi esclarecedora e abriu um canal para com a Polícia Federal.
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice  - Presidente
-

SINDASP APRESENTA PAUTA DE NEGOCIAÇÃO A SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

O SINDASP encaminhou à Secretaria de Administração a pauta do dissídio coletivo do ano de 2012. Esta pauta irá tratar de vários tópicos, conforme ofício.
-
Entre os tópicos a ser negociados existem questões financeiras, do concurso no cumprimento da Resolução nº 09/2009 do Conselho de Política Criminal, que especifica 5 presos para cada agente. Isto levará a nomeação de concursados, pois o déficit é de 3.770 agentes.
O Debate também irá tratar de questões administrativas. A Administração entrou em contato com o SINDASP e  informou que será realizado o Agendamento para a reunião da  mesa específica, a qualquer momento. Na próxima sexta-feira ocorrerá a reunião da mesa geral e estaremos cobrando a referida reunião.
-
João Batista de Carvalho Flho
Vice - Presidente
.



segunda-feira, 28 de maio de 2012

ATENÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL DECIDIU POR CARÊNCIA PARA USO DOS SERVIÇOS


Na última Assembléia Geral Extraordinária do dia 24 de maio de 2012, foi decidido que a partir desta data de publicação, os servidores tem 30 ( trinta) dias para se filiar. Aqueles que se filarem até o dia 26 de junho de 2012,  não terão carência para uso de advogados e outros serviços.
 A Decisão da Assembléia englobou que  após estes 30 ( trinta) dias àqueles que se filiarem terão 90  (noventa) dias de carência para uso de qualquer serviço. A Diretoria não poderá mais atender ninguém que estiver no período de carência, pois estará infringindo o Estatuto sob pena de sanção disciplinar.
-
DIRETORIA DO SINDASP

ATENÇÃO ASSEMBLÉIA GERAL DECIDIU POR CARENCIA PARA USO DOS SERVIÇOS

Na última Assembléia Geral Extraordinária do dia 24 de maio de 2012, foi decidido que a partir desta data de publicação, os servidores tem 30 ( trinta) dias para se filiar. Aqueles que se filarem até o dia 26 de junho de 2012,  não terão carência para uso de advogados e outros serviços.

 A Decisão da Assembléia englobou que  após estes 30 ( trinta) dias àqueles que se filiarem terão 90  (noventa) dias de carência para uso de qualquer serviço. A Diretoria não poderá mais atender ninguém que estiver no período de carência, pois estará infringindo o Estatuto sob pena de sanção disciplinar.
-
DIRETORIA DO SINDASP

sexta-feira, 25 de maio de 2012

RESULTADO DA ASSEMBLÉIA GERAL DO DIA 24 DE MAIO DE 2012

No dia 24 de maio de 2012, conforme convocação para a Assembléia Geral Extraordinária para alteração estatutária foi reformada a forma de contribuição sindical. 
-
O Estatuto do SINDASP previa anteriormente que a contribuição sindical era de 1,5% no vencimento bruto, onde  estava inserido o desconto no vencimento base,  gratificação de risco penitenciário gratificações, PJES, gratificação de localização, férias, indenizações, vale refeição, vale transporte ou qualquer outra natureza  pecuniária prevista no contra cheque, ou seja no vencimento bruto.
-
A Alteração estatutária foi para 4% do vencimento base. Nesta assembleia Geral foi apresentada a prestação de contas, demonstrando toda realidade financeira do sindicato, como nunca havia se realizado antes na história do sindicato. Iremos colocar o valores percentuais, posteriormente. 
.
 Nesta forma de contribuição, o Sindicato terá  que negociar  para reajustar os vencimentos e não depender de penduricalhos. Esta forma de gestão é para garantir a transparência e a luta e  principalmente  garantir a melhoria salarial de todos.
-
A Transparência demonstra a honestidade da gestão da atual diretoria. A proposta de desconto foi apreciada com valores e projeções através de apresentação de slide.
-
Além desta alteração foi colocada que o escritório de advocacia, não mais poderá atuar contra os membros do sindicato, ou seja sócio contra sócio.
.
A alteração estatutária também abrangeu que a partir desta gestão ocorrerá um limite prudencial de até 30% (trinta por cento) que abrangerá todos os membros da diretoria do sindicato para ressarcimentos e remuneração de diretoria. Todo o ano ocorrerá  esta prestação de contas, onde até o último dia 30 de janeiro do ano subsequente, será revisto este  valor  percentual.
-
O Estatuto foi alterado para criação de um novo tipo de sócio, ou seja, o sócio aposentado e pensionista. O Estatuto também teve alteração na forma temporal de convocação de assembleia geral que foi reduzido o prazo para 05 (cinco) dias de antecedência mínima em casos normais de convocação, e de 72 (setenta e duas ) horas em caso de urgência.
-
O SINDASP também fez alteração para  reserva de mercado da categoria.
.
Foi alterado o artigo 27 - que alterou na questão da presidência( art. 27) que conjuntamente com a diretoria executiva (art. 25) era o orgão superior da administração e passou  a prevê que qualquer  decisão, ações e diretrizes serão realizados pela diretoria executiva, que passou a ser sozinha o orgão superior como previa anterirormente no artigo 25. Existia ambiguidade ou contradição, e foi concertado. Agora o presidente não pode ser mais um o que decide tudo e impõe o que quer. Porém, o orgão soberano é a Assembléia Geral que decide tudo. Finalmente, foi implantado no sindicato a democracia, pois quem decide é a maioria.
-
-Nesta Assembleia Geral foi demonstrado competência e principalmente responsabilidade com o dinheiro do sócio. O SINDASP está expandido a sua sede, investindo em equipamentos, material de escritório e formas de bom atendimento ao sócio. Posteriormente, iremos divulgar imagens da nova sede. 
-
O SINDICATO voltou para a categoria e não mais pertence a nenhum diretor ou reis da babilônia.
.
DISCUSSÕES  DE PAUTA  DE NEGOCIAÇÃO NA ASSEMBLEIA GERAL 
.
Ao término da Assembleia Geral ocorreu a discussão sobre a pauta de negociação, que será encaminhada ao Secretário de Administração para o dissídio coletivo de 2012, que  TRATARÁ sobre os seguintes assuntos:
-
- Discussões salariais;
 - Reduzir Distorções salarias (Enquadramento dos ASPs mais antigos de 17 ou 18 anos) para avançar no plano de cargos;
- Discussão para criação de uma nova faixa salarial de titulação para pós graduação stricto sensu;
- Criação do decreto para fardamento e carteira funcional;
- Discussão a forma que estão sendo feitas as  remoções sobre questão de interesse público, e muitas vezes sem motivo aparente;
- Criação de uma reserva para diárias na LOA ( Lei Orçamentária Anual)
- Inclusão do prêmio PDS e CVLI;
- Descongelamento do estágio probatório para o novos concursados para evolução da carreira;
- Solicitação para nomeação do 190 (cento e noventa) concursados que fizeram o curso de formação e mais 900             (novecentos) para um novo curso de formação, procurando atingir o previsto na resolução nº 09 do Conselho Nacional de Política Criminal;
- Discussões sobre a forma do PJES ser em forma de hora extra;
- Criação da síntese de atribuições e prerrogativas ( hierarquia), conforme previsão no artigo 7º da lei complementar nº 150/2009;
- Enquadramento do pessoal de nível médio com curso de qualificação profissional para atingir a previsão da carga horária, conforme legislação vigente.
- Publicação do POP (Procedimento Operacional Padrão);
- Criação de uma Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, com a criação do organograma para CAPs, CPFB, CPFAL) ;
-  Criação de um grupo tático de intervenção rápida  para Operações com previsão no organograma;
- Manutenção da Comissão de membros e Presidente  da corregedoria com a representação e formação de Agentes Penitenciários;
- Pagamento de vale refeição e transporte para os servidores que trabalham no PJES;
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice-Presidente

PARABÉNS A ATUAL GESTÃO DO SINDASP : RESULTADO DA ASSEMBLÉIA GERAL

No dia 24 de maio de 2012, conforme convocação para a Assembleia Geral Extraordinária para alteração estatutária foi reformada a forma de contribuição sindical. 
-
O Estatuto do SINDASP previa anteriormente que a contribuição sindical era de 1,5% no vencimento bruto, onde  estava inserido o desconto no vencimento base,  gratificação de risco penitenciário gratificações, PJES, gratificação de localização, férias, indenizações, vale refeição, vale transporte ou qualquer outra natureza  pecuniária prevista no contra cheque, ou seja no vencimento bruto.
-
A Alteração estatutária foi para 4% do vencimento base. Nesta assembleia Geral foi apresentada a prestação de contas, demonstrando toda realidade financeira do sindicato, como nunca havia se realizado antes na história do sindicato. Iremos colocar o valores percentuais, posteriormente. 
.
 Nesta forma de contribuição, o Sindicato terá  que negociar  para reajustar os vencimentos e não depender de penduricalhos. Esta forma de gestão é para garantir a transparência e a luta e  principalmente  garantir a melhoria salarial de todos.
-
A Transparência demonstra a honestidade da gestão da atual diretoria. A proposta de desconto foi apreciada com valores e projeções através de apresentação de slide.
-
Além desta alteração foi colocada que o escritório de advocacia, não mais poderá atuar contra os membros do sindicato, ou seja sócio contra sócio.
.
A alteração estatutária também abrangeu que a partir desta gestão ocorrerá um limite prudencial de até 30% (trinta por cento) que abrangerá todos os membros da diretoria do sindicato para ressarcimentos e remuneração de diretoria. Todo o ano ocorrerá  esta prestação de contas, onde até o último dia 30 de janeiro do ano subsequente, será revisto este  valor  percentual.
-
O Estatuto foi alterado para criação de um novo tipo de sócio, ou seja, o sócio aposentado e pensionista. O Estatuto também teve alteração na forma temporal de convocação de assembleia geral que foi reduzido o prazo para 05 (cinco) dias de antecedência mínima em casos normais de convocação, e de 72 (setenta e duas ) horas em caso de urgência.
-
O SINDASP também fez alteração para  reserva de mercado da categoria.
-
Nesta Assembleia Geral foi demonstrado competência e principalmente responsabilidade com o dinheiro do sócio. O SINDASP está expandido a sua sede, investindo em equipamentos, material de escritório e formas de bom atendimento ao sócio. Posteriormente, iremos divulgar imagens da nova sede. 
-
O SINDICATO voltou para a categoria e não mais pertence a nenhum diretor ou reis da babilônia.
.
DISCUSSÕES  DE PAUTA  DE NEGOCIAÇÃO NA ASSEMBLEIA GERAL 
.
Ao término da Assembleia Geral ocorreu a discussão sobre a pauta de negociação, que será encaminhada ao Secretário de Administração para o dissídio coletivo de 2012, que  TRATARÁ sobre os seguintes assuntos:
-
- Discussões salariais;
 - Reduzir Distorções salarias (Enquadramento dos ASPs mais antigos de 17 ou 18 anos) para avançar no plano de cargos;
- Discussão para criação de uma nova faixa salarial de titulação para pós graduação stricto sensu;
- Criação do decreto para fardamento e carteira funcional;
- Discussão a forma que estão sendo feitas as  remoções sobre questão de interesse público, e muitas vezes sem motivo aparente;
- Criação de uma reserva para diárias na LOA ( Lei Orçamentária Anual)
- Inclusão do prêmio PDS e CVLI;
- Descongelamento do estágio probatório para o novos concursados para evolução da carreira;
- Solicitação para nomeação do 190 (cento e noventa) concursados que fizeram o curso de formação e mais 900             (novecentos) para um novo curso de formação, procurando atingir o previsto na resolução nº 09 do Conselho Nacional de Política Criminal;
- Discussões sobre a forma do PJES ser em forma de hora extra;
- Criação da síntese de atribuições e prerrogativas ( hierarquia), conforme previsão no artigo 7º da lei complementar nº 150/2009;
- Enquadramento do pessoal de nível médio com curso de qualificação profissional para atingir a previsão da carga horária, conforme legislação vigente.
- Publicação do POP (Procedimento Operacional Padrão);
- Criação de uma Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, com a criação do organograma para CAPs, CPFB, CPFAL) ;
-  Criação de um grupo tático de intervenção rápida  para Operações com previsão no organograma;
- Manutenção da Comissão de membros e Presidente  da corregedoria com a representação e formação de Agentes Penitenciários;
- Pagamento de vale refeição e transporte para os servidores que trabalham no PJES;
-
João Batista de Carvalho Filho
Vice-Presidente

terça-feira, 22 de maio de 2012

I Torneio de integração dos órgãos operativos da S




I Torneio de Integração dos órgãos operativos da SDS 
Gostaríamos de convidar os Agentes Penitenciários para participar das competições.
Precisamos formar grupos de Agentes para as seguintes modalidades competitivas:
Corrida de revezamento com fuzil:
  • 04 (quatro) pessoas do sexo masculino; e
  • 04(quatro) pessoas do sexo feminino.
Cabo de Guerra:
  • 10 (dez) integrantes do sexo masculino.
Competição de Futebol Feminino:
  • 15 (quinze) Agentes (Feminino) do Sistema Penitenciário
 O torneio olímpico será realizado pela SDS a partir de 22 de maio de 2012.

MAIS INFORMAÇÕES:
Ligue: (81) 3181.1351, falar com Major Jorge Araújo, chefe do Centro de Educação Física da PMPE.
Apoio: Escola Penitenciária de Pernambuco

I Torneio de integração dos órgãos operativos da SDS


I Torneio de Integração dos órgãos operativos da SDS 
Gostaríamos de convidar os Agentes Penitenciários para participar das competições.
Precisamos formar grupos de Agentes para as seguintes modalidades competitivas:
Corrida de revezamento com fuzil:
  • 04 (quatro) pessoas do sexo masculino; e
  • 04(quatro) pessoas do sexo feminino.
Cabo de Guerra:
  • 10 (dez) integrantes do sexo masculino.
Competição de Futebol Feminino:
  • 15 (quinze) Agentes (Feminino) do Sistema Penitenciário
 O torneio olímpico será realizado pela SDS a partir de 22 de maio de 2012.

MAIS INFORMAÇÕES:
Ligue: (81) 3181.1351, falar com Major Jorge Araújo, chefe do Centro de Educação Física da PMPE.
Apoio: Escola Penitenciária de Pernambuco

sexta-feira, 18 de maio de 2012

O ADMINISTRATIVO DO HCTP SOLICITA CONTATO


 A RELAÇÃO DOS AGENTES QUE ESTAGIARAM NO INÍCIO DESTE ANO
 NO HCTP, PRECISAM DE SUAS CONTAS-CORRENTE PARA PAGAMENTO
 DAS DIÁRIAS.

 LIGAR PARA JOSIVAN - FONE 31842357-31842352 OU 88260681


RELAÇÃO DOS ASP’S SEM CONTA CORRENTE

  • EVERTON WILLIAM PEREIRA ALMEIDA
  • JOSÉ LUIZ BEZERRA PINTO
  • HEWRY ANDERSON DA S.CAVALCANTE
  • JOSÉ ROBERTO RODRIGUES
  • RAFAEL DE SOUZA MOURA
  • HERBERTON ROGÉRIO DEODATO

LIGAR P/ JOSIVAN DO HCTP – 31842357-31842352

O ADMINISTRATIVO DO HCTP SOLICITA CONTATO

 A RELAÇÃO DOS AGENTES QUE ESTAGIARAM NO INÍCIO DESTE ANO AQUI NO HCTP, PRECISAMOS DE SUAS CONTAS-CORRENTE PARA PAGAMENTO DAS DIÁRIAS.

LIGAR PARA JOSIVAN - FONE 31842357-31842352 OU 88260681


RELAÇÃO DOS ASP’S SEM CONTA CORRENTE

  • EVERTON WILLIAM PEREIRA ALMEIDA
  • JOSÉ LUIZ BEZERRA PINTO
  • HEWRY ANDERSON DA S.CAVALCANTE
  • JOSÉ ROBERTO RODRIGUES
  • RAFAEL DE SOUZA MOURA
  • HERBERTON ROGÉRIO DEODATO

LIGAR P/ JOSIVAN DO HCTP31842357-31842352

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Sobre as Plenárias de Cararu e Igarassu

Por motivos de Saúde o Presidente do SINDASP, Nivaldo Jr., não pôde comparecer às Plenárias marcadas para antes da Assembleia Geral, como por exemplo a de ontem (17) em Caruaru como também não vai poder está presente  na de amanhã (19) em Igarassu.

Plenárias:
1ª) CPPAB (Complexo Prisional Prof. Aníbal Bruno) – 14/05 (segunda-feira)
  • Unidade 02 - PAMFA às 10:00 hs.
  • Unidade 01 - PJALLB às 14:00 hs.
  • Unidade 03 - PFDB às 16:00 hs.
2º) CPFR (Recife) – 15/05 às 15:00 hs.
3º) PJPS (Caruaru) – 17/05 às 15:00 hs.
4º) PI (Igarassu) – 18/05 às 15:00 hs.

Sobre as Plenárias de Cararu e Igarassu

Por motivos de Saúde o Presidente do SINDASP, Nivaldo Jr., não pôde comparecer às Plenárias marcadas para antes da Assembleia Geral, como por exemplo a de ontem (17) em Caruaru como também não vai poder está presente  na de amanhã (18) em Igarassu. 
A plenária de Igarassu permanece marcada para hoje normalmente, devendo ser dirigida pelos diretores Diógenes e Wilson.

Plenárias:
1ª) CPPAB (Complexo Prisional Prof. Aníbal Bruno) – 14/05 (segunda-feira)
  • Unidade 02 - PAMFA às 10:00 hs.
  • Unidade 01 - PJALLB às 14:00 hs.
  • Unidade 03 - PFDB às 16:00 hs.
2º) CPFR (Recife) – 15/05 às 15:00 hs.
3º) PJPS (Caruaru) – 17/05 às 15:00 hs.
4º) PI (Igarassu) – 18/05 às 15:00 hs.

PORTE DE ARMA : PLC 87/2011

O projeto de porte de arma para os Agentes Penitenciários de todo Brasil foi aprovado na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, e agora tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, cabendo a esta  a decisão terminativa e caso ocorra a aprovação será encaminhado para ser sancionado.
 17/05/2012 
CRE - Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional
Situação:
APROVADO PARECER NA COMISSÃO
Ação:
Reunida a Comissão nesta data, foi aprovado o relatório do Senador Francisco Dornelles (pela aprovação do PLC nº 87, de 2011, e pela rejeição do PLS nº 329, de 2011), que passa a constituir parecer da Comissão.
Anexadas as folhas 27 a 32.
À CCJ

17/05/2012 
CCJ - Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania
Situação:
AGUARDANDO DESIGNAÇÃO DO RELATOR
Ação:
Recebido nesta Comissão às 17h35min.
Matéria aguardando distribuição.
(Tramitam em conjunto o PLC nº 87, de 2011 e o PLS nº 329, de 2011).
VEJA O PARECER APROVANDO