domingo, 2 de agosto de 2015

Notícias do Diário de Pernambuco: Minuta do novo código penitenciário foi apresentada nesta última quinta-feira ao Secretário de Justiça




A Comissão de Elaboração do Projeto de Lei Ordinária de Reforma do Código Penitenciário do Estado de Pernambuco entrega hoje, quinta-feira, 30 de julho, às 14h, ao secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, Pedro Eurico, a minuta do novo código. A comissão foi instituída por meio da portaria da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos nº070 publicada no Diário Oficial, do dia, 22/05 e é formada por representantes do Conselho Penitenciário, Defensoria Pública, Ministério Público, Procuradoria Geral, Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, Secretaria Executiva de Ressocialização, Sociedade Civil, Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco e Sindicato dos Agentes Penitenciários. 

A Comissão analisou as propostas de reforma do Código que foram discutidas e apresentadas durante as reuniões temáticas e ordinárias realizadas neste período. O resultado final foi consolidado e será encaminhado pelo Secretário Pedro Eurico ao Governador Paulo Câmara. A entrega será realizada na sede da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, na avenida Cruz Cabugá, 1211.

Fonte: 
http://www.diariodepernambuco.com.br



Código Penitenciário de Pernambuco regulamenta visitas e direitos como saúde e educação


A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco está trabalhando, há dois meses, na elaboração da comissão do projeto de lei ordinário de reforma do Código Penitenciário do Estado, em atividade desde 1978. O documento foi apresentado nesta quinta-feira (30).
Entre os principais avanços estão o acesso a direitos como saúde e educação, e regulamentação das visitas. A OAB-PE também está elaborando uma proposta de reformulação do código.

Fonte:



sexta-feira, 31 de julho de 2015

Bronca Pesada - TV Jornal


Bronca Pesada - TV Jornal


SOS Pernambuco - TV Clube


Balanço Geral - TV Clube


Notícias da Manhã - Matéria sobre presídio


AJUDA AO SOBRINHO DO COMPANHEIRO E AGENTE PENITENCIÁRIO ANTÔNIO CARLOS DE SANTANA, VULGO: BOLA, PARA CONSEGUIR TRANSPLANTE DO INTESTINO



Campanha em prol de jovem vitoriense busca apoio para transplante internacional




Um jovem de 18 anos, morador da Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata do Estado, precisa de sua ajuda. Weverton Fagner de Medeiros Gomes, está internado em estado clínico considerado estável no Hospital Otávio de Freitas, em Recife, após fazer uma cirurgia de apêndice e perder 90% do intestino.  A solução é um transplante do órgão, que é realizado fora do País. O procedimento detém alta cifra e chega a custar aproximadamente R$ 3.500.000,00 (três milhões e quinhentos mil Reais) no Jackson Memorial Hospital, em Miami, nos Estados Unidos (EUA).


Para arcar com as despesas, amigos e familiares entraram numa corrente solidária nas redes sociais. O movimento em prol do rapaz conseguiu muitos adeptos em pouco tempo. Na página Força Weverton, no Facebook, já são mais de 5 mil curtidas e milhares de compartilhamentos. Entre os que apoiaram a campanha está o zagueiro do Paris Saint Germain e Seleção Brasileira, David Luiz, que divulgou a história em um perfil oficial na rede. A publicação do atleta viralizou em pouco tempo e contabilizou vários comentários positivos.  Para ajudar Weverton, basta doar qualquer valor em conta poupança.
Como ajudar?
Banco do Brasil – Agência: 0233-X
Conta Poupança: 059879-8  –  Weverton Fagner de Medeiros Gomes (CPF: 125.576.404-09). Operação 61.



quinta-feira, 30 de julho de 2015

SINDASP FIRMA PARCERIA COM A FACULDADE PADRE ANCHIETA




O SINDASP-PE realizou convênio com a Faculdade Padre Anchieta. Isto demonstra a nova visão da Diretoria que assumiu.

Neste intuito já começamos a realizar convênios que irão beneficiar os sindicalizados.


Este convênio agracia:

É objeto do presente convênio a concessão de descontos em Cursos oferecidos pelo CONVENIADO aos associados, seus dependentes e funcionários da CONVENENTE, nos seguintes percentuais:



a) 25% (Vinte e Cinco por cento) 

O Encaminhamento ao curso será feito através da carta do SINDASP-PE a Faculdade Anchieta.


LOCALIZAÇÃO

FACULDADE ANCHIETA DO RECIFE MANTIDA PELA ORGANIZAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR ANCHIETA – OESA

 Avenida Engenheiro Domingos Ferreira, 1990, Boa Viagem / Recife CEP:51111-020, Telefone (81) 3328- 1481




SINDASP FIRMA CONVÊNIO COM A REDE BANORTE PARA CONSIGNAÇÕES


O SINDASP-PE realizou convênio com a Rede Banorte para consignação. A Instituição é de muita qualidade. Isto demonstra a nova visão da Diretoria que assumiu.


O Encaminhamento a empresa será feito através da carta do SINDASP-PE a Rede Banorte.

Este convênio agracia a parceria com a Rede Banorte, pertencente a Rede Banorte.

LOCALIZAÇÃO


RUA A. NORTE MIGUEL ARRAES, Nº 981, Casa Amarela, CEP: 52071-035



É objeto do presente convênio a concessão de descontos consignação para os CONVENIADOS aos associados, seus dependentes e funcionários da CONVENENTE, nos seguintes percentuais:




quarta-feira, 29 de julho de 2015

SINDASP-PE E FENASPEN NA LUTA EM FAVOR DO AGENTE PENITENCIÁRIO

O Sindasp-PE mantem firme a luta cotidiana em favor do Agente Penitenciário. Ao fazermos denúncias firmes na imprensa sobre as péssimas condições as quais estamos submetidos, queremos com isso alertar a sociedade da falência do sistema penitenciário. Veja nesta matéria do Balanço Geral, na TV Clube, como estamos lutando, na prática, sem discurso, em favor da categoria!





TV CLUBE: PERNAMBUCO NO AR: PRESIDENTE DO SINDASP EM DEFESA DA CATEGORIA


FENASPEN COMPARECE AO COMPLEXO CURADO PARA FISCALIZAÇÃO


TV JORNAL : NESTA QUARTA-FEIRA EM CARDINOT DENÚNCIA DO SINDASP SOBRE O PRESÍDIO DE PALMARES


NOTICIÁRIO COMPLETO EM CARDINOT EM BRONCA PESADA: SINDASP REALIZA DENÚNCIAS DE FALTA DE CONDIÇÕES DE TRABALHO E DAS PÉSSIMAS CONDIÇÕES NOS PRESÍDIOS DE PERNAMBUCO

                                                   1ª PARTE DA DENÚNCIA









DENÚNCIAS DO SINDASP NO RONDA GERAL DA TV TRIBUNA


CARDINOT EM BRONCA PESADA: SINDASP REALIZA DENÚNCIAS DE FALTA DE CONDIÇÕES DE TRABALHO E DAS PÉSSIMAS CONDIÇÕES NOS PRESÍDIOS DE PERNAMBUCO

2º PARTE DA DENÚNCIA 




O Sindasp realizou denúncias  sobre o Sistema Penitenciário para demonstrar a fragilidade.

“Temos o dever de relatar que o Estado não vem cumprindo com o seu papel que é assegurar a ordem pública e garantir a segurança para a sociedade”, afirma o sindicato. “O sistema carcerário de Pernambuco está a beira do caos e os agentes penitenciários, também, são vítimas dele”.


Relatamos que o Estado de Pernambuco vem descumprindo o básico em suas obrigações, que é dar condições laborais aos Agentes Penitenciários, que sofrem deficiências claras em seu trabalho por falta de efetivo. A quantidade de agentes nas unidades prisionais de Pernambuco pode ser considerada como um verdadeiro caos. Hoje temos uma média de quatro ou cinco agentes por plantão nas unidade prisionais de Pernambuco. Este número desobedece Resolução do Conselho Nacional de Política Criminal Penitenciária (CNPCP) que estabelece o número de cinco presos para cada agente penitenciário.
A necessidade do aumento de efetivo é preponderante para garantir a ordem dentro das prisões, pois os agentes penitenciários realizam serviços de escolta, monitoramento externo, fiscalização, custódia, vigilância, revistas e inteligência.
O Estado também não assegura a segurança externa (guaritas) realizada pela Polícia Militar. Estimamos que 70% dessas guaritas estão desativadas. Infelizmente, esta omissão faz com que os ilícitos (armas, drogas etc.) entrem pelos muros das unidades.
Informamos que as máquinas de Raio X para revistas em objetos e alimentos estão quebradas, bem como os detectores de metais em sua maioria estão danificados ou quebrados.
A falta de condições de trabalho chega ao extremo com equipamentos de segurança vencidos (coletes), falta de capacetes , falta de munições não letais e letais, bem como falta de manutenção nas armas (com a falta de material para o serviço). Além disto as viaturas estão sucateadas.
Apesar de toda essa precariedade, em atos heróicos, os Agentes Penitenciários vêm, permanentemente, fazendo apreensões de armas, drogas e celulares.
O sistema carcerário de Pernambuco está a beira do caos e os agentes penitenciários, também, são vítimas dele.

Folha de Pernambuco

Revista no Presídio de Igarassu encontra facões industriais, celulares e drogas

Ação da Seres foi realizada pelos agentes da unidade na noite desta terça-feira

28/07/2015 21:16 - Do FolhaPE
    TwitterFacebook
Seres/Cortesia
Papelotes de maconha, celulares, barrotes de madeira, entre outros materiais, foram encontrados na revista
Uma revista realizada pela Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) no Pavilhão A do Presídio de Igarassu, Grande Recife, encontrou diversos materiais como drogas, celulares e armas. A ação aconteceu na noite desta terça-feira (28) e foi feita pelos próprios agentes penitenciários da própria unidade.
A ação recolheu 25 papelotes de maconha, 22 chips para celular, cinco celulares, cinco fones de ouvido, 48 papelotes de pó virado, dois barrotes de madeira, dois facões industriais.

terça-feira, 28 de julho de 2015

NOTÍCIAS DO LEIA JÁ


Governo impede revista em presídio e sindicatos protestam

Membros da Federação Nacional Sindical dos Penitenciários fazem ato no Complexo Prisional do Curado

 - Escrito em 28/07/2015 - 17:17


 
Membros da Federação Nacional Sindical dos Penitenciários (Fenaspen) estão realizando um ato de protesto na porta do Complexo Prisional do Curado, na tarde desta terça-feira (28). O motivo é o Governo do Estado ter negado a entrada da federação para vistoriar o local, mesmo sob apresentação dos documentos necessários.

De acordo com João Carvalho, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários em Pernambuco (Sindasp-PE), a visita serve para fazer um levantamento das condições dos presídios, bem como realização de relatórios. Entretanto, momentos antes da data marcada para a vistoria, o governo mandou um email informando que não permitiria o acesso dos profissionais porque havia acontecido um problema no complexo prisional. “Acontece que a visita serve justamente para verificar justamente esses tipos de problema!”, salientou João Carvalho. “Nós temos carta de autorização, então isso que eles estão fazendo é inconstitucional”, afirma.

A comissão do Sindasp vem recebendo denúncias sobre o local, e para os representantes, a atitude do governo só confirma a hipótese de que ele está em más condições. No momento, 46 membros e líderes sindicais de agentes penintenciários de 16 estados estão se dirigindo ao local para protestar.

FOLHA DE PERNAMBUCO : COTIDIANO:

Membros da Fenaspen realizam ato em frente ao Complexo do Curado

Eles informam que são proibidos de realizarem uma vistoria nas unidades prisionais

28/07/2015 16:32 - Do FolhaPE

Membros da Federação Nacional Sindical dos Penitenciários (Fenaspen) realizam um ato, na tarde desta terça-feira (28), no Complexo Prisional do Curado, na Zona Oeste do Recife. Eles criticam sobre a possível proibição do Governo do Estado em realizar uma vistoria do local.
Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários em Pernambuco (Sindasp-PE), João Carvalho, a visita serve para reconhecer os problemas do complexo prisional e ajuda na criação de um relatório que será enviado para Brasília.
Ele comentou também que, na tarde desta terça (28), 46 membros da Federação tentarão fazer a vistoria nos presídios. Caso não consiga, João Carvalho informou que "fará uma denúncia ao Congresso Nacional e ao Ministério da Justiça para com que a revista aconteça".